top of page

News Semanal IBPecan: as notícias que são destaque na pecanicultura

Semana 29/03/24



Mercado indiano pode ser foco de pecanicultores 


Em recente participação no Jornadas del Cluster Pecan, em Concórdia, na Argentina, a comitiva brasileira, formada por representantes do IBPecan, acompanhou discussões sobre o mercado internacional da pecan. O presidente do instituto, Eduardo Basso, relata que o encontro teve a presença de aproximadamente 300 pessoas, com um grande número de agrônomos e cerca de 35 profissionais argentinos. Ele conta que durante o evento foi relatada a realidade de produtores mexicanos e americanos, que trabalham no patamar de 9 dólares o preço da pecan e que não tem resultado, sendo a  tendência de ocorrer abandono ou uma busca por outras soluções para melhorar a produtividade. “Outro fator internacional relatado no encontro é o crescimento na produção chinesa, fazendo com que ocorra uma diminuição nas importações e prejudicando fortemente as vendas da África do Sul, que hoje depende 80% das suas vendas para a China. Os produtores vão sofrer fortemente esta diminuição e a recomendação é abrir para o mercado indiano, um mercado que tem um potencial de consumo ainda maior que o chinês”, explica o dirigente. Basso diz, ainda, que os americanos já fizeram acordo sanitário, estão vendendo para a Índia e já conseguiram uma redução nas taxas de importação. 


Empreendedorismo e novas tecnologias na pecanicultura ganham destaque em live do IBPecan 


Inovação e Tecnologias em Produtos com Pecan foi tema da terceira edição da live Segredos da Pecan, promovida mensalmente pelo IBPecan, e que contou com a participação da coordenadora de Serviços de Tecnologia e Inovação do Instituto Senai de Tecnologia em Alimentos e Bebidas, Liana Stoll, e da pecanicultora e proprietária da Pecan Brasil, Anelise Scheibe. Liana apresentou o trabalho desenvolvido pelo Instituto, lembrando que o Senai atua para ser um braço da indústria e busca identificar oportunidades de crescimento para diversos setores. Ao ser questionada sobre a conservação da noz-pecã, explicou que todos os produtos com maior teor de gordura sofrem com a rancificação e até perda nutricional, salientando que é possível resolver este problema fazendo um acompanhamento da produção até a criação da embalagem. 


Já Anelise Scheibe, que é responsável pela criação de produtos e venda da Pecan Brasil, situada no município de Chapada (RS), falou sobre a importância em empreender. Contou que após uma visita a pomares de pecan no Texas, Estados Unidos, ela e o marido decidiram criar a marca e depois iniciar a sua linha de produtos. Disse que atualmente a empresa tem um amplo portfólio, onde se inclui o já tradicional Pecanttone, e destacou os desafios na hora de desenvolver um produto. No final da live, o apresentador Lailor Garcia salientou que já está sendo agendado com o Senai um evento para falar sobre assessoria para quem quiser desenvolver produtos à base de pecan. Para ler mais, clique aqui: (link para matéria publicada no site)


IBPecan apresenta Programa Ateg Senar para associados

Resumo: O associado ao IBPecan terá a oportunidade de conhecer o programa Ateg Senar. Será na terça-feira, 2 de abril, em encontro virtual. O instituto está auxiliando na promoção do programa e promovendo a criação de grupos regionais para pecan. O Ateg Senar tem por objetivo aumentar o lucro da propriedade, trazer uma gestão eficiente e melhorar a qualidade de vida do produtor. Saiba mais clicando aqui: (incluir o link)


IBPecan e Emater alinham treinamento extensionistas 


Resumo: A direção do IBPecan, em reunião com o extensionista rural da Emater, Antônio Borba, alinhou detalhes para a realização de um treinamento para técnicos da Emater que irão assistir às 12 regionais da empresa com a premissa para os pequenos produtores de nozes pecan. O IBPecan vai organizar a parte do treinamento profissional convidando seus profissionais experientes na cultura. “Deverá ser um curso intensivo, de um dia e meio de aulas teóricas e meio dia de prática. Abordará implantação, manejo, irrigação, colheita, conservação e venda  de nozes pecan”, explica o presidente do instituto, Eduardo Basso. Ele complementa que o objetivo é melhorar o nível profissional e a qualificação dos produtores.


Abertura da Colheita: expositores podem garantir seu espaço até 15 de abril 


Resumo: Com o andamento dos preparativos para a Abertura Oficial da Colheita da Noz Pecan, os interessados em adquirir um espaço para exposição e vendas, podem procurar o IBPecan. O prazo é até o dia 15 de abril. Há três modalidades, sendo duas (associados e não associados) para exposição de equipamentos e prestadores de serviços e uma para venda de produtos à base de pecan. Informações podem ser solicitadas pelo e-mail contato@ibpecan.org ou pelo telefone (51) 998291140. 








11 visualizações0 comentário

Comments


whatsapp.png
bottom of page