A Pecan pode ser a melhor amiga da saúde do seu filho!

Atualizado: Mai 11

De proteção do sistema imunológico ao correto desenvolvimento das funções cerebrais, os nutrientes contidos na noz-Pecan pode ser a chave para seus filhos crescerem com mais saúde.


Imagem: internet


Está se tornando cada vez mais alto o número de pessoas aderindo a hábitos alimentares saudáveis, incorporando novos nutrientes em suas dietas. Uma das coisas que costuma causar confusão é quando e como introduzir esses alimentos, no dia-a-dia de crianças menores de cinco anos.

É verdade que os pequenos possuem algumas restrições que devem ser respeitadas, e antes de qualquer mudança, uma visita ao pediatra é indispensável. Por outro lado, alguns alimentos, como nozes e castanhas, podem ser consumidos sem medo desde muito cedo.

Um dos exemplos é a noz-Pecan, que tem seu consumo estimulado por pediatras em crianças a partir dos 12 meses de idade. Por outro lado, várias pesquisas divulgadas desde 2008, tem mostrado que no caso da Pecan não há necessidade de idade mínima, desde que o consumo seja liberado pelo médico da criança.

O que torna a noz-Pecan tão atraente neste caso, é sua alta concentração de nutrientes, como as gorduras mono e poli insaturadas, além de vários minerais e outros agentes antioxidantes. E eles podem desempenhar um papel fundamental no desenvolvimento infantil.


Fácil de agradar


A Pecan é um desses alimentos que, por beneficiar tanto crianças quanto adultos, pode servir de ponte para conectar a rotina de sua família nas refeições. Sabemos muito bem o quão difícil é introduzir saladas e legumes na alimentação de crianças, uma vez que os sabores desses alimentos não são muito bem aceitos pelos seus paladares ainda em formação. A Pecan tem um sabor adocicado, fácil de assimilar e combinam com qualquer prato, tornando muito mais fácil esta etapa de introdução de um novo alimento.

Uma das formas mais comuns de incorporar Pecans nas dietas de crianças, é através de bolos ou quiches. Uma outra opção, ainda mais saudável, é misturá-las com os cereais matinais ou iogurte no café da manhã. Isso ajuda a aumentar consideravelmente a quantidade de proteína ingerida ao longo do dia, e que é indispensável para o desenvolvimento saudável de qualquer pessoa, em qualquer idade.

Na verdade, o consumo insuficiente de proteínas, normalmente relegado apenas ao almoço, tem preocupado especialistas nos últimos anos. A recomendação é justamente a diversificação de fontes e horários das refeições.

E tem mais!


Não é só a proteína que pode ajudar seus filhos. A Pecan possui um leque de possibilidades para ajudar a combater um dos problemas que tem se tornado cada vez mais comum entre crianças: imunidade baixa.

Um dos males do qual todos nós sofremos são os danos dos radicais livres em nossas células. Não é fácil controlar isso, mas também não é exatamente difícil.

A ação de alguns antioxidantes pode ajudar a contornar esse problema. Como eu disse no começo deste texto, as pecans estão cheias de antioxidantes que agem nas mais diversas partes de nosso corpo. A boa notícia é que ela é riquíssima em manganês, um dos mais importantes. Ele é vital para as conduções nervosas e funções cerebrais das crianças e adultos, e age protegendo as células nervosas.

Pode não parecer tão importante, mas isso aumenta, consideravelmente, a imunidade formando uma barreira contra várias doenças e infecções. Aliás, um inverno livre de gripes e resfriados é o sonho de muitos pais e mães, não é mesmo? Assim, antes de sair enchendo as crianças de nozes, o que aliás não tem problema nenhum, dê uma olhada nas porções diárias recomendadas tanto de manganês quanto de Pecans.


Imagem: internet


Quanto consumir


Embora pequenas, a grande carga nutricional da noz-Pecan faz com que seu consumo possa ser moderado, mesmo para obter resultados significativos. A USFDA (United States Food and Drug Administration), órgão regulador do governo americano responsável pela qualidade de medicamentos e alimentos, recomenda um consumo diário mínimo de 43,5 gramas, enquanto alguns nutricionistas falam em benefícios a partir de três unidades sem casca por dia.

Embora não existam valores mínimos recomendados para o consumo de manganês por crianças, ele é aconselhado. As pecans possuem em sua composição aproximadamente 4 mg. do mineral para cada 100 g. da oleaginosa descascada. Em uma porção como a recomendada pela USFDA, qualquer pessoa, adulta ou não, já obtém o necessário para promover mudanças drásticas em sua saúde.


Por Eduardo Ruedell

Editor de Conteúdo do portal de saúde Medictando.com.


0 visualização

Av. Presidente Roosevelt, 1264 lj. 36
Porto Alegre, RS 90230-002

contato@ibpecan.org

Tel: (51) 3103-5299

         (51) 99829.1140

  • YouTube - IBPecan
  • Branco Twitter Ícone
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
WhatsApp Image 2020-04-01 at 16.48.40.jp

By Jonas Janner Hamann 
Associado produtor IBPecan

Criado por FlyUp Soluções Digitais